Central de Atendimento: 11 2976-1282 | 11 3804-5194 | Faça seu Login | Blog Especial Chocolates

A Lenda do Pão de Mel

A Lenda do Pão de Mel

A Lenda do Pão de Mel

A Lenda do Pão de Mel

No começo da idade média gengibre, ingrediente principal do pão de mel e dos biscoitos de gengibre, não era uma especiaria fácil de ser encontrada na Europa. Mas conforme vieram as cruzadas o contato dos europeus com o oriente aumentou e várias especiarias começaram a entrar no paladar, inicialmente, do clero. Este não foi um período de grande desenvolvimento para as artes culinárias, a maior parte das mudanças e descobertas se deu entre as paredes dos mosteiros. Assim, foram os religiosos que tiveram inicialmente a ideia de fazer biscoitos com gengibre para celebrar as festas do inverno, mas eles se basearam em tradições da Europa Pré-Católica.

A Rainha Elizabeth I, da Inglaterra, resolveu fazer certa vez para uma de suas festas de natal, homenzinhos de pão de mel com a cara dos convidados. Desde então esta tradição continua a ser realizada na Europa e na América do Norte.

O pão de mel nasceu na Rússia por volta do século IX, chamado de “pryaniki”, era uma mistura de farinha, mel e suco de frutas, mas o mel constituía quase metade de todos os outros ingredientes.
Mais tarde, já nos séculos XII e XIII, foram adicionadas especiarias vindas da Índia e Oriente Médio (canela, nozes, gengibre, frutas secas…). Entre os séculos XVII-XIX a receita se espalhou, e cada região tinha a sua maneira de assar os “pryanikis”. A tradição e os segredos da culinária eram passados de geração em geração.

Os “pryanikis” eram feitos em formato de animais para enfeitar as árvores de natal, eram feitos para pobres e ricos; como presentes; para casamentos; festas; celebrações; dias especiais e também para pessoas doentes, com o objetivo de cura, os pães eram assados no formato de anjos.
Atualmente o pão de mel ou “pryanik” é um fenômeno em todo o mundo, com ou sem cobertura de chocolate e com diferentes recheios, se aperfeiçoando e se modificando de acordo com os tempos e regiões, e tornando-se cada vez mais saboroso.
Outros dizem que “Pão de mel” é um doce de origem europeia, elaborado à base de mel, farinha de trigo, chocolate, manteiga, especiarias e ovo. Depois de prontos e frios, normalmente, são banhados em chocolate. O pão de mel surgiu quando os europeus descobriram que o pão de especiarias poderia ser coberto com chocolate derretido para prolongar o seu sabor e umidade.

O pão de mel é um descendente da história dos biscoitos de Natal que remonta a 10.000 anos atrás, quando os agricultores do período Neolítico usavam pedras quentes para assar um alimento composto de cereais e misturado com água, talvez os primeiros descendentes dos biscoitos.
A origem dos biscoitos de gengibre reside nas receitas medievais europeias do. Lebkuchen (pão de gengibre) foi provavelmente o primeiro bolo / cookie para ser tradicionalmente relacionado com o Natal. Esta tradição de biscoitos de natal se espalharam pela Europa facilmente, e variava a receita de acordo com o paladar de cada civilização.
Os holandeses trouxeram consigo os primeiros biscoitos de Natal. Assim começou a arte de fazer bolinhos deliciosos. Os Cookies (biscoitos) é uma palavra que vem da palavra holandesa Koeptje [koekje], o que significa pequeno bolo.
Os livros da receita do período da Renascença, porém, já traziam inúmeras quantidades de receitas de biscoitos. Mas esta tradição, com a revolução Industrial foi mudando, pois, o s biscoitos passaram a ser produzidos em fábricas.
Atualmente é comum ver biscoitos decorados no natal, sobretudo nos filmes nos quais a maioria são produzidos pelos norte-americanos. As receitas de biscoito, talvez por serem de preparo mais rápido, deixaram o pão de mel de lado.
Também podemos moldar nossos sonhos nas velhas tradições e fazermos casinhas de pão de mel e bonequinhos de biscoito.
A história rendeu tanto que os estúdios Disney resolveram incluir no filme Shrek o personagen Gingerbred para incrementar a história do ogro verde. Para isso os profissinais da animação se inspiraram na fábula do Biscoitinho de Gengibre.

Você conhece o Pão de Mel da Doce Pecado?
Delicada massa com especiarias e açúcar mascavo, recheada com a exclusiva Ganache de Chocolate da Doce Pecado e coberta com uma deliciosa camada de chocolate. A receita, a partir de anotações da família, foi aprimorada ao longo de 30 anos e hoje, é um dos produtos mais pedidos por nossos clientes.

Desenvolvemos uma variedade de sabores e aromas que você vai amar: Nosso pão de mel tem história, a massa fofa e com um toque de especiarias, recheado com a nossa exclusiva geleia de damasco, produzida aqui mesmo na Doce Pecado – mas você pode preferir a opção do pão de mel recheado com a nossa exclusiva receita de brigadeiro, produzida aqui mesmo com leite condensado e cacau em pó. Um dos recheios mais pedidos, ainda é o clássico pão de mel recheado com doce de leite argentino e coberto com chocolate ao leite.

Escolha o seu preferido e delicie-se. O nosso chocolate superior e as técnicas de temperagem, vão te surpreender com a riqueza de sabores, aromas e texturas.

docepecado

0 Comentários

Escreva sua experiência...